Gabriel Silva é um dos destaques do Troféu Brasil de Patinação de Velocidade

Atleta é recordista nacional na prova de 300 m e está preparado para assegurar sua vaga no Campeonato Sul-Americano

São Paulo – “Minha intenção é vencer e garantir vaga na classificatória. E lá, assegurar o Brasil nos Jogos Sul-Americanos.” É com essa determinação que o brasiliense Gabriel Felix e Silva, de 19 anos, chega a Sertãozinho para disputar o Troféu Brasil de Patinação de Velocidade na categoria principal. A competição, que vai assegurar quatro vagas – tanto no masculino como no feminino – para o Campeonato Sul-Americano, na Colômbia, será realizada entre os dias 13 e 15 de outubro, no Patinódromo de Sertãozinho, interior de São Paulo.

Os atletas da categoria principal irão disputar três provas distintas – 300m, 1.000m e 10km – e a soma da pontuação de cada prova irá determinar os vencedores. Mesmo tendo o recorde nacional da prova de 300 m, Gabriel também pretende obter um bom resultado na prova de 10 km. “Tenho feito treinos gerais, com explosão para seguir bem nos 300 m e de resistência para assegurar uma boa classificação nos 10 km.”

Gabriel iniciou na patinação há dez anos por ser hiperativo e se identificou com o esporte. “Já tinha feito vários esportes e sempre desistia. Vi uma reportagem sobre a patinação e me interessei, minha mãe me incentivou e em três meses estava ganhando a minha primeira competição.” Essa vitória foi determinante para ele seguir no esporte. Hoje, é um dos principais nomes da patinação de velocidade e conta com um grande aliado nos treinos: o irmão, Romildo Neto. “Ele começou no esporte logo depois de mim e hoje competimos juntos, mesmo ele sendo cinco anos mais velho. E isto é um grande incentivo”, comenta Gabriel. Romildo também vai competir em Sertãozinho em busca de uma vaga no Campeonato Sul-Americano.

Mesmo sendo um dos melhores do país e grande promessa, Gabriel tem que dividir os treinos com os estudos e com o trabalho. “Precisa ter um nível muito alto para conseguir viver do esporte.” O atleta costuma treinar na parte da manhã antes de iniciar os estudos na faculdade de administração, e no período da noite, após o estágio.

Para Cindya Pardo, diretora técnica de patinação de velocidade da Confederação Brasileira de Hóquei e Patinação, Gabriel é um dos melhores do país e a expectativa é grande para que ele classifique o Brasil para os Jogos Sul-Americanos. “Ele esteve no Mundial da China e ficou entre os 20 melhores, algo muito bom para a patinação brasileira.”

A segunda etapa do Troféu Brasil de Patinação de Velocidade vai contar com as categorias principal, infantil, master e estreantes.

Campeonato Oficial Sul-Americano de FreeStyle Slalom – 02 e 03 de dezembro de 2017 – São Paulo, SP

Evento Oficial – Realização BSS – Homologação WSSACSP / CBHP

Download PDF :

 

 

Recife será a sede dos campeonatos Pan-Americanos de Hóquei sobre Patins de 2017, de 24/11 a 03/12

 

O Presidente da CBHP Moacyr Junior, em companhia do Presidente da Federação Pernambucana de Patinagem Mario Guedes e do Diretor do Comitê Organizador Local, Fortunato Russo Sobrinho, receberam o apoio da Secretaria de Turismo Esportes e Lazer do estado, na pessoa do Secretario Executivo de Esportes e Lazer, Diego Pérez que ficou  bem impressionado com a importância e dimensão dos eventos que a CBHP trouxe para o Brasil.

Os campeonatos serão disputados no masculino e feminino, em Recife de 24/11 a 03/12, primeiramente de Clubes e na sequencia de Seleções nacionais. Espera-se a presença de até 22 equipes dos 6 países que praticam o Hóquei nas Américas.

Numa ação inédita na história desta modalidade em todo o mundo, os jogos serão disputados simultaneamente em duas quadras, de manhã até a noite, ininterruptamente. Isto só será possível graças ao compromisso assumido pelas Diretorias dos clubes pernambucanos, Sport Club do Recife e Clube Português do Recife.